Lomografia: história

dezembro 13, 2013


O nome Lomo tem origem na expressão "Leningradskoye Optiko Mechanichesckoye Obyedinenie" , sendo traduzido como "União de Óptica Mecânica de Leningrado". A história dessa fabricante se deu na antiga URSS em meados dos anos 80, no período da Guerra Fria e seu precursor foi o general Igor Petrowitsch Kornitzky.

Igor se se apaixonou pelas fotografias feitas a partir de uma pequena câmera japonesa (Cosina SX2) e fez com que suas fábricas militares produzissem e a aperfeiçoassem. Sua maior intenção era de tornar seu novo produto uma alternativa publicitária. Criando máquinas fotográficas resistentes, pequenas e de baixo custo, estas seriam de fácil acesso para todas as famílias soviéticas que, por sua vez, passariam a registrar todo seu cotidiano, promovendo o estilo de vida familiar na URSS.



Anos mais tarde, mais precisamente em 1991, na República Tcheca, dois turistas austríacos se depararam com a Lomo e ficaram admirados em demasia com a câmera de alta sensibilidade que tirava fotos nítidas e coloridas. A partir desse momento começaram a fotografar tudo o que viam, sem se importar com técnicas tradicionais. De volta à Áustria, em pouquíssimo tempo as câmeras viraram febre por todo o país e aos poucos, foram se espalhando pelo mundo, tornando-se uma nova arte. 

Em 1995,em Viena (Áustria) foi criada a Lomographic Society International que tinha o intuito de não deixar a fotografia analógica (no caso, a lomografia) morrer. Atualmente foram criadas diversas câmeras tendo como base a Lomo que proporcionam aos fotógrafos momentos de prazer, profissão e criação com uma ampla variação nos efeitos. Uma curiosidade é que a paixão é tanta pelas belas toy cameras que elas possuem até seus 10 mandamentos:
1. Leve sua câmera para todo lugar
2. Use a toda hora – dia ou noite
3. Lomografia não é uma interferência em sua vida, ela é parte dela

4. Tente fotografar de todas as maneiras

5. Se aproxime dos objetos, sua câmera lomografia deseja isso;

6. Não pense

7. Seja rápido

8. Você não precisa saber de antemão o que fotografou
9. Depois muito menos
10. Não ligue para regra alguma











Nota: todas as fotos são referentes às galerias presentes no site da Lomography Brasil e não são apenas tiradas com a "lomo", mas com várias toy câmeras.




6 Comentários:

  1. Que bacana! Não conhecia os 10 mandamentos...achei super legal.
    Tenho uma action sampler basiquinha mas confesso que usei poucas vezes e até hoje não revelei as fotos ¬¬'
    Adoro os efeitos das lomos <3

    www.fuscaroxo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal rs aposto que as fotos ficaram ótimas! Porque não as revela e faz um post falando um pouco delas?
      Também adoro s2 rs

      Excluir
  2. Acho o efeito lomo maravilhoso, um dos melhores, porém infelizmente fotografar não é exatamente comigo... Um dia aprendo, hahaha! http://andoromanceando.blogspot.com.br/2013/12/tag-marry-kiss-or-cliff.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas nesse caso, como eu disse acima, não é necessário que haja técnica poxa. É achar algo legal e clicar! Por que não tenta? bjs

      Excluir
  3. Em um relacionamento sério com esse post <3.
    Obrigada por nos trazer essa informação :), eu amo fotografia e é sempre muito legal descobrir os vários efeitos que ela pode ter.
    Abraço,
    amordesegunda.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz que tenha gostado! Em breve postarei mais sobre lomografia aqui <3

      Excluir

Diga-nos o que achou do post.